Ауди
медицина
No result...

LINKS



IRD recebe membros do Conselho de Segurança Nuclear da Espanha

Versão para impressão PDF
Самые новые шаблоны Joomla на нашем сайте.
Красивые Шаблоны Joomla 2.5
Игровые шаблоны DLE
Самая быстрая Диета


Delegação do CSN conhece o laboratório de raios X de baixa e média energia, que possibilita realizar
medições das radiações liberadas por aparelhos emissores de raios X para uso médico



Uma delegação do Conselho de Segurança Nuclear da Espanha (CSN), órgão regulador da área naquele país, visitou o IRD no último dia 23 de fevereiro. Da visita participaram o Conselheiro do CSN Fernando Castelló Boronat, e sua assessora Inmaculada Simón Cirujano, além de Alfredo de los Reyes, assessor de relações internacionais do CSN e Presidente do Comité Técnico Executivo do Fórum Iberoamericano de Organismos Reguladores Radiológicos e Nucleares. Eles foram acompanhados por Cristóvão Marinho, chefe da área de Relações Internacionais da CNEN.

O diretor do IRD José Ubiratan Delgado apresentou as atividades desenvolvidas no instituto e levou os visitantes às áreas de emergência, metrologia de raios X, gama, nêutrons e radionuclídeos, além da estação de monitoramento global que transmite informações para o Centro de Dados Internacional da Comissão Preparatória para a Organização do Tratado para a Proibição Completa de Testes Nucleares.

Na sede da CNEN, no dia 24 de fevereiro, eles assistiram a uma apresentação sobre a Diretoria de Radioproteção e Segurança Nuclear da Comissão e também apresentaram as atividades do CSN, órgão governamental que atua para proteção à população e ao meio ambiente com relação às aplicações e usos da radiação ionizante na Espanha. O CSN reúne especialistas em várias áreas e também representantes da sociedade civil em seus comitês representativos.

O Fórum Iberoamericano é composto por organismos reguladores de Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Espanha, México, Paraguai, Peru e Uruguai. Atualmente é presidido pela Argentina, que passará o cargo ao Brasil em julho, já que ele é ocupado de forma alternada a cada ano por um país membro.

Mais informações sobre o CSN em www.csn.es
Sobre o Fórum Iberoamericano acesse www.foroiberam.org