Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Metrologia é tema de simpósio internacional no Rio de Janeiro
Início do conteúdo da página

Metrologia é tema de simpósio internacional no Rio de Janeiro

  • Publicado: Quarta, 02 de Agosto de 2017, 19h23
  • Última atualização em Sexta, 04 de Agosto de 2017, 12h40

A Divisão de Metrologia do IRD participa do Simpósio IMEKO 2017, realizado no Rio de Janeiro de 31 de julho a 3 de agosto. O evento é  uma realização da International Measurement Confederation (Imeko), organização não-governamental que reúne 42 instituições-membro, entre elas o Inmetro. Neste encontro os temas em debate foram voltados aos comitês técnicos Educação e Formação de Medição e Instrumentação (TC1); Ciência da Medição (TC7) e Medições em Biologia e Medicina (TC13).


Encontro mundial em metrologia traz temas inovadores para discussão no RJ

O IRD apresentou nove trabalhos durante o encontro, que teve como tema “Ciência da Medição da Qualidade, Inovação e Sustentabilidade”, foi organizado pela Sociedade Brasileira de Metrologia (SBM), Imeko, Inmetro e PUC-Rio, e contou com o apoio do IRD, que trouxe um estande mostrando as atividades da sua área de Metrologia. As pesquisas IRD versaram sobre padronização absoluta de radionuclídeos importantes para a medicina nuclear, além de outros usos industriais, e sobre metrologia de raios X.

Um dos estudos do instituto comparou o coeficiente de transferência de massa e energia em raio X diagnóstico convencional, levando em conta o espectro real, já que antes se utilizava apenas o feixe monoenergético. O objetivo é difundir esse desenvolvimento, que possibilita que o cálculo de dose de radiação absorvida pelo paciente seja ainda mais preciso. Em outro trabalho de iniciação científica no IRD, foi testado o alumínio reciclado como material atenuador da radiação em salas de mamografia.

Para Elisabeth Costa Monteiro, que preside o encontro científico, é integrante do comitê técnico sobre ciência das medições do Imeko e professora da pós em metrologia da PUC-Rio, vale destacar o diferencial desse encontro do ponto de vista científico: discussões sobre medições em grandezas biológicas e as medições voltadas às ciências sociais. “O evento trouxe os grandes especialistas nessa área de ciências sociais. Houve um momento de discussão e reflexão, inclusive estimulando bastante os participantes”, afirmou. “Esta área é um desafio de fato, e sua aplicação ocorre não apenas em ciências sociais, mas em todas as áreas para as quais você tem que trazer uma resposta quantitativa para aquilo que é qualitativo”.

Um aspecto q começa a ser considerado nesse evento, de acordo com a professora, são as medições nas áreas médica, biomédica, biológica, para além das medições dos equipamentos. “Lidando com macromoléculas, por exemplo, vc precisa ter um material de referência certificado, que exige uma complexidade especial e é um tema que precisa ser abordado”.

registrado em:
Fim do conteúdo da página